Ruth Gondim

"O Deserto do Saara e o Sertão do Nordeste brasileiro foram apontadas em 2009 como as duas melhores regiões para captação da energia solar pelo cientista alemão Gerherd Knies." - Dra. Ruth Pessoa Gondim

ENERGIA SOLAR DE SOBRA

O Sertão da Paraíba e de todo Nordeste é o segundo melhor do mundo para captação de energia solar. Perde apenas para o Deserto do Saara, no continente africano. Só que todo esse potencial não está sendo utilizado. Para se ter ideia, o consumo de energia dos 3,8 milhões de habitantes do Estado poderia ser suprido com a instalação de 2,5 milhões de placas de energia solar, capazes de gerar 633 MegaWatts. Para isso, seria necessária a ocupação de uma área de 4.433 hectares com as usinas fotovoltaicas, um espaço que equivale a apenas 0,07% do território da Paraíba.


Leia na íntegra a matéria publicada no jornal "Correio da Paraíba"

Painéis solares sobre o telhado
Tokelau é o primeiro território 100% movido a energia solar

O arquipélago de Tokelau, no Pacífico Sul, tornou-se o primeiro território do mundo a obter toda sua energia através da luz do sol.
Até agora, o país dependia exclusivamente do diesel importado para suprir suas necessidades energéticas.


Leia matéria publicada no site Ecofidelidade

Painéis solares sobre o telhado

A Europa busca nos desertos um caminho para suprir sua demanda energética.

O SERTÃO PODE COPIAR O SAARA

O mundo está iniciando uma nova era. O aquecimento global e o crescimento populacional desafiam a economia e a política. Estes fatores exigem transformações da Economia mundial. Cientístas políticos prevêem a 3a. Revolução Industrial. As tecnologias limpas aceleram o crescimento econômico. A principal mudança ocorrerá na área energética.


Leia na íntegra a matéria publicada no jornal SÜDDEUTSCHE Zeitung (Jornal da Bavária - Alemanha)